17 de Outubro DE 2017 | SOBRE ESTE BLOG
Domingo, 13 de Agosto de 2017, 08h:43
Tamanho do texto A- A+

Política / CASO GRAMPOLÂNDIA

Paulo Taques é proibido de visitar prédios públicos

As restrições proíbem ainda o ex-secretário de se comunicar com qualquer integrante do serviço de inteligência do Estado
DA REDAÇÃO

 

Após pedido de habeas corpus a Paulo Taques, ex-secretário da Casa Civil, e sua soltura na última sexta-feira (11), a desembargadora Antônia Siqueira Gonçalves manteve as medidas restritivas determinadas pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Reynaldo Soares da Fonseca.

 

Paulo foi preso no dia 4 de agosto por determinação do desembargador Orlando Perri. O ex-secretário é acusado de envolvimento em um suposto esquema de escutas clandestinas no Estado.

 

As medidas restritivas proíbem Paulo Taques de se ausentar do país sem autorização da Justiça. Está pribido de ingressar em prédios públicos da governadoria, assim como na secretaria de Estado de Segurança Pública, na secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos, da Casa Civil, da Casa Militar e também da Polícia Militar. 

 

Além disso, Paulo está proibido de se comunicar com qualquer integrante do serviço de inteligência do Estado. O ex-secretário ainda deve comparecer em juízo.

(0) Comentário(s)

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

enviar comentário
Confira Também

caldeirão político

Após 460 demissões, vereadores trabalham "de casa"

AL destaca votação da PEC dos Gastos na agenda da semana

Advogado aciona STF e pede afastamento de Maggi

Fábio Garcia corre o risco de ser expulso do PSB nesta segunda

VEJA MAIS

Vídeo comentário

Decisão sobre caso dos grampos deixa um "cheirinho de pizza"

VEJA MAIS

ARTIGOS

A maldição da política partidária

Por: FERNANDO LEITÃO

Bem ou mal, mau ou bom

Por: GONÇALO DE BARROS

Dia da professora e do professor

Por: JUACY SILVA
VEJA MAIS

mais lidas

  1. Paulo Taques mente ao STF que Mauro Zaque foi candidato a prefeito
  2. Governador Pedro Taques alerta que sem PEC do Teto salários vão atrasar
  3. Ex-comandante da PM de MT é suspeito de guardar provas dos grampos em casa
  4. Promotor abre inquérito e apura fraudes entre Unemat e Faespe
  5. Paulo Taques mente ao STF ao dizer que Mauro Zaque foi candidato a prefeito em 2016 no interior de MT

ENQUETE

Se as eleições fossem hoje e Pedro Taques fosse candidato à reeleição, você votaria nele?
PARCIAL