16 de Janeiro de 2018 | SOBRE ESTE BLOG
Quinta-Feira, 11 de Janeiro de 2018, 20h:24
Tamanho do texto A- A+

Política / GRAVADO

Em aúdio, Jajah Neves acusa Wilson Santos de receber verba indenizatória

Deputado disse que Wilson Santos cobra três dias antes de receber a VI a quantia de R$ 65 mil. Direito ao dinheiro é do titular do cargo. Wilson nega as acusações
LAICE SOUZA
DA REDAÇÃO

 

O deputado estadual Jajah Neves (PSDB) acusa o também deputado estadual licenciado Wilson Santos (PSDB) de cobrar mensalmente a verba indenizatória no valor de R$ 65 mil.  Wilson Santos não tem o direito em receber a quantia, pois, atualmente, ocupa a função  de secretário de Estado das Cidades.


A afirmação de Jajah consta de um gravação (ouça no fim da matéria), que circula nas redes sociais. No áudio, Jajah afirma que Wilson começa a cobra os R$ 65 mil três dias antes do recurso cair na conta. “Eu tenho que devolver pro Wilson [Santos]. Ele começa me ligar três dias antes de cair”, diz em um dos trechos da gravação. Jajah, que é suplente, assumiu a vaga de deputado com o licenciamento de Wilson.


Em outro trecho da gravação, o deputado ainda faz outra revelação. Ele afirmou que a TV que ele tem arrendada é totalmente mantida com recursos públicos. “Eu sustento aquilo ali com dinheiro público. A mídia é do governo, ela cai por causa de mim”, garantiu, demonstrando uma suposta influência pelo fato de ser deputado estadual.


O parlamentar também confidenciou que vai investir na “Caravana do Jajah”, em uma tentativa de se tornar uma espécie de “negócio financeiro” e rentável, já que tem dívidas no valor de R$ 1,2 milhão.


“Todo mundo sabe que to sendo processado por uma dívida de R$ 200 mil. O Júlio Campos eu devo R$ 1 milhão. Essa caravana do Jaja tem que ser boa eleitoralmente, mas que se torne um negócio”, disse.

Veja o que disseram os envolvidos

O secretário Wilson Santos, por meio de sua assessoria, negou que tenha recebido ou cobrado qualquer quantia do deputado que ocupa o cargo dele. Ele ainda afirmou que desde que passou a ocupar a função de secretário das Cidades nunca recebeu a Verba indenizatória.

 

De acordo com a assessoria de Jajah, o parlamentar está em viagem para fora do Estado. Ele irá se posicionar sobre os fatos na próxima terça-feira (16), em uma coletiva de imprensa.

 

O vídeo foi retirado da página Muvuca Popular.

(0) Comentário(s)

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

enviar comentário
Confira Também

caldeirão político

Petistas já fazem marchinha em apoio a Lula; ouça

Contas de Taques só serão analisadas em fevereiro

Casa Barão de Melgaço é furtada pela 18ª vez em Cuiabá

Rodrigo Janot prestou depoimento a policiais federais

VEJA MAIS

Vídeo comentário

Os vereadores da Câmara de Cuiabá não tem limites!

VEJA MAIS

ARTIGOS

A farra das verbas indenizatórias

Por: HEITOR SANTANA

Complicado?

Por: LOUREMBERGUE ALVES

Sociedade em rede

Por: ONOFRE RIBEIRO
VEJA MAIS

mais lidas

  1. MP de Contas sugere instalação de impeachment contra Pedro Taques
  2. Governo usou dinheiro do Fethab para pagar professor, diz Kardec
  3. AMM e entidades pedem investigação rigorosa em repasses do Fundeb
  4. Governador visita Escola Técnica e anuncia novo concurso
  5. Valter Albano reconheceu falha no repasse, mas considerou justificativa do Estado

ENQUETE

Se as eleições fossem hoje e Pedro Taques fosse candidato à reeleição, você votaria nele?
PARCIAL