25 de Fevereiro de 2018 | SOBRE ESTE BLOG
Terça-Feira, 12 de Setembro de 2017, 11h:44
Tamanho do texto A- A+

Coluna do Antero / TESOUREIRO DE PEDRO TAQUES

Silval diz que foi tesoureiro de Pedro Taques quem o apresentou à diretoria da JBS

Antero Paes de Barros

 

O ex-governador Silval Barbosa cita o tesoureiro de campanha de Pedro Taques ao Senado em 2010, o empresário do ramo atacadista em Mato Grosso, como tendo sido o intermediário entre o ex-governador e Weslei Batista, um dos irmãos donos da JBS. Essa afirmação consta em depoimento de delator Silval Barbosa ao Ministério Público Federal.

 

Deu no Folha Max:

 

O ex-governador Silval Barbosa (PMDB) disse em seu acordo de colaboração premiada que a JBS – gigante mundial na produção e comercialização de carne -, ficou “devendo” R$ 8 milhões em propinas que seriam utilizadas para o pagamento de uma dívida de R$ 40 milhões feita pelo seu antecessor e ministro da Agrigultura, Blairo Maggi (PP), com uma empresa de fomento mercantil, em Cuiabá. De acordo com o ex-governador, uma reunião com o proprietário da JBS, Wesley Batista, foi agendada em 2011 por Fernando Mendonça – um dos investigados na "Operação Ararath" e empresário de atacado em Várzea Grande.

 

Comentário meu: Fernando Mendonça é empresário do ramo atacadista em Cuiabá e primo dos irmãos Joeslei e Weslei Batista, tendo forte influência na JBS. Fernando Mendonça chegou a ser investigado na operação Ararath, mas nenhuma denúnciia contra ele prosperou. Fernando Mendonça foi o tesoureiro da campanha de Pedro Taques na eleição ao Senado em 2010. Com as denúncias da Ararath contra ele, Pedro Taques se afastou de Mendonça, até então seu grande colaborador e amigo. Na delação de Silval ele cita que Joeslei ajudou Pedro Taques, através de uma offshore que transferiu recursos para um escritório de advocacia. Não existe até o momento a confirmação por parte de Joeslei, mas sabe-se que oficialmente a JBS doou R$ 100 mil reais para a campanha ao Senado de Pedro Taques.

 

 

 

(0) Comentário(s)

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

enviar comentário
Confira Também

caldeirão político

Prefeita de Sinop se afastará do cargo em março

Arthur Virgílio desiste das prévias e critica Alckmin

Toffoli entrega voto do "foro privilegiado" no próximo mês

Ex-governador vira conselheiro e afirma: não compensa errar

VEJA MAIS

Vídeo comentário

Carlos Fávaro é uma confusão política ambulante

VEJA MAIS

ARTIGOS

Hospital Julio Müller

Por: ALFREDO MENEZES

Mudanças sim! Conformismo não!

Por: JUNIOR MACAGNAM

Truco

Por: EDUARDO PÓVOAS
VEJA MAIS

mais lidas

  1. Silval revela que 7 deputados fizeram extorsão por acordo na AL
  2. Blairo Maggi anuncia nesta segunda-feira se vai ou não disputar eleições
  3. Concessionárias elevam preços, mesmo sem cumprir contratos
  4. Ex-governador vira conselheiro e afirma: não compensa errar
  5. Presidente do PT diz duvidar que STF impeça prisão de Lula a tempo

ENQUETE

Se as eleições fossem hoje e Pedro Taques fosse candidato à reeleição, você votaria nele?
PARCIAL